Mais bateria por favor!

Finalmente eu vi uma notícia que esperava a anos!

Uma empresa japonesa (sempre eles né?) chamada Shin-Etsu desenvolveu um material que promete aumentar a capacidade das baterias de lítio, que são utilizadas em celulares e tablets, em até 10 vezes!

Quando comecei a ler essa notícia pensei: “Putz, mais um material tóxico pra ferrar com a saúde da galera!”, mas acabei me surpreendendo. Eles utilizam lâminas de que conservam cardas elétricas dentro das baterias.

Segundo a empresa eles poderiam produzir em grande escala este tipo de bateria em três ou quatro anos. Já foram enviados protótipos para diversos fabricantes de bateria para testes de desgaste, custo de produção e outros testes (inclusive possíveis impactos na saúde dos usuários)

Também existe uma outra empresa japonesa (eles outra vez) chamada Hitachi Chemical que está desenvolvendo uma outra tecnologia para aumentar a carga das baterias.

Como eu sempre falo, dispositivos moveis como celulares e tablets são o futuro da tecnologia e acredito que nos próximos anos os desktops e até mesmo os notebooks irão perder cada vez mais espaço e a única coisa que falta para isso acontecer é o tempo de duração da bateria, quem sabe isso esteja perto de ser resolvido.

Uma iniciativa muito legal que já está sendo colocada em pratica é a do Ubuntu Phone, que promete tornar seu celular o único dispositivo necessário, transformando ele em seu computador pessoal também.

Abaixo tem um vídeo que mostra mais ou menos a ideia, mas ele só tem versão em inglês, infelizmente.

Já é possível comprar este celular por US$780 (aceito doações! huasahusau)

 

One thought to “Mais bateria por favor!”

  1. Até o momento, a transmissão de grandes quantidades de dados com baixo consumo de energia era um desafio para cientistas, que não conseguiam desenvolver uma tecnologia do tipo que pudesse funcionar com uma bateria comum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *